“A Equipe Casa Sul está funcionando normalmente em home office. Se precisar falar conosco, ligue para (41) 99966-8360 ou clique aqui para mandar uma mensagem via WhatsApp”

  • CONTENT
Conexão

Ressignificar o barro

Ana Penso Onde: Curitiba • 16 de Abril - 2020 |

Experimentação e estética marcam o trabalho da ceramista Cristina Odebrecht

A nova coleção Bojudos, da Spiral, valoriza as irregularidades e imperfeições das formas naturais.

Conheço a Cristina Odebrecht há alguns anos, sempre admirei o trabalho com cerâmica que ela produz. Peças robustas, técnica perfeita e muita elegância na cartela de cores. É maravilhoso ter marcas como a Spiral em Curitiba representando a cerâmica brasileira.
Desde muito jovem as manualidades fazem parte da vida de Cristina, mas nada ainda tinha arrebatado seu interesse. Passava de curso em curso, nas mais diversas técnicas e áreas da criatividade mas nada havia lhe interessado de fato.

 

No ano 2000 Cristina se formou em Medicina Veterinária, o que era um sonho realizado. Pouco tempo depois, começou a fazer um curso de Ikebana - que despertou em seu coração mais uma vez a paixão por alguma atividade. A técnica tinha como suportes vasos de cerâmica. As aulas duraram muitos anos e Cris tinha como colegas de curso muitas ceramistas. Nem preciso dizer que a curiosidade começou a crescer, não é mesmo?
Em 2009, começou um curso de cerâmica no Museu Alfredo Andersen, onde definitivamente se encontrou. A vontade de ter a cerâmica mais perto em seu dia-a-dia, mesmo que adquirindo peças de outras ceramistas era intensa. Foi uma fase de conexão e busca.
No final de 2015 largou a profissão de médica veterinária e abraçou com toda a força o sonho de ser ceramista. A alquimia dos esmaltes, que ela mesma produz torna suas peças ainda mais especiais. Cada uma delas possui uma alma única, preenchida com muito afeto e dedicação.

 

A Spiral surgiu e continua crescendo sob o pilar da constante renovação. Cristina está sempre estudando em seu atelier, em busca de novos processos, novas cores, novos formatos. A marca tem como essência a autenticidade. Sua motivação para criar, segundo ela mesma, são os desafios e dificuldades inerentes ao processo que envolve o barro. Ver a peça criando forma apaixonam a artista, e a todos nós também. Estar presente 100% em todo o processo de execução das peças, proporciona à artista explorar possibilidades. A nova coleção se chama Bojudos, com a característica peculiar da biomimética, que é observar a natureza. Valorizar as irregularidades e imperfeições das formas naturais. Isso é uma expressão de sua liberdade criativa e de sua autenticidade.
A palavra de ordem para os processos criativos da artista é TESTE. Infinitos testes com argila, esmaltes e de processos. Uma experimentação sem fim que faz com que o material seja verdadeiramente explorado e se transforme em uma peça muito especial.
A estética autêntica difere as peças da marca. Desenho autoral, texturas novas e elegância nas cores são características marcantes em todas as peças da nova coleção.

 

Ter uma peça decorativa ou funcional de uma ceramista tão dedicada é uma homenagem ao ambiente que a recebe. Conhecer as pessoas por trás das marcas é incrivelmente especial. Entender como tudo surgiu, o caminho percorrido e o afeto que compõe a equação de criação e execução do objeto nos apaixona. Essa é a alma do design autoral.
Entrega é a palavra que pode definir a ligação entre todos os envolvidos no universo do design.
No final das contas, tudo se trata de pessoas.
São peças feitas por pessoas especiais e que no fim da cadeia estarão em outros lares de pessoas tão especiais quanto.

 

As peças estão a venda na Ôda Design Club e através do insta da artista @spiralceramicas

Comentários
Deixe seu comentário

Identificação X
entrar usando o facebook