• CONTENT
Décor

Sete dicas de decoração para o Natal 2021

Onde: Curitiba • 20 de Dezembro - 2021 | Fotos Divulgação

Artigos natalinos que remetem a memórias afetivas, objetos feitos à mão e árvores em LED são algumas das sugestões que valem o investimento

 

Após o ano de 2020, em que muitas famílias não puderam se encontrar por conta da pandemia da covid-19, o Natal em 2021 promete ser um pouco diferente. Com isso, no mês de dezembro, as casas vão voltar a ganhar luzes, cores e enfeites natalinos, preparando o cenário para reencontros com familiares e amigos. Embora a cada ano surja uma nova tendência, o ideal é escolher aquilo que cabe no orçamento e traz significado e boas lembranças à data.

Cristina Cardoso, arquiteta dos apartamentos decorados da Yticon (construtora do Grupo A.Yoshii) preparou algumas dicas para inspirar as festividades. “Após um período tão difícil de distanciamento, muitas famílias vão, enfim, celebrar juntas, receber amigos para comemorar e, também, refletir sobre a importância dessa união, de estar presente, de levar para a mesa farta o verdadeiro sentido da data. Seguindo essa linha, acredito que a decoração afetiva é uma aposta certeira para esse Natal. Seja o que for escolhido, o importante é imprimir personalidade e criatividade dos anfitriões e impressionar os convidados com delicadeza e dedicação”, diz.

 

Memórias afetivas

Pensando que esse será o "Natal do reencontro", uma boa ideia é usar uma “linguagem mais familiar” na decoração, com objetos cheios de memórias e significados,. Homenagens e heranças de família, além de peças de confecção artesanal, são boas pedidas para tornar o ambiente mais pessoal e caloroso. “Uma árvore natural, mesmo que não seja um pinheiro clássico e sim uma parte da decoração da casa ou do jardim, pode se tornar uma bela árvore de Natal decorada com luzes, enfeites tradicionais ou objetos que façam parte das tradições da família.” - afirma Cristina. Também vale adaptar objetos de decoração já existentes, como bandejas, vasos, potes decorados com os tradicionais enfeites natalinos.

Ainda na linha afetiva, outra alternativa é criar um mural ou cantinho com fotografias da família em Natais de outros anos, com lembranças e homenagens também às pessoas que já se foram. “Tudo isso tem muito mais valor agregado, pode ficar muito bonito, agradável e pessoal.”

Já para as casas com crianças, uma ideia é trazer os brinquedos preferidos e vestir os bichinhos de pelúcia com uma roupinha natalina, como um gorrinho ou laço em cores temáticas. “Isso aproxima os pequenos das atividades e preparativos e valoriza sua contribuição para a decoração do lar.” Reciclar enfeites antigos, misturando-os com peças existentes e outras mais recentes, também pode criar um clima bem aconchegante e festivo.

Cores

Com relação às cores, segundo a arquiteta, os clássicos verde e vermelho continuam em cena, mas haverá uma presença bem forte e marcante do dourado, que representa abundância, luz e prosperidade - tudo o que desejamos para os próximos anos. “Os tons naturais também estão em alta, seguindo essa linha de decoração mais sustentável e artesanal. Lembrando que as cores neutras e terrosas estão presentes em materiais usados em adornos artesanais, como madeira, palha, tecidos como linho, algodão, juta, barbantes. Todos esses itens são muito úteis na decoração natalina.”

O colorido, por sua vez, fica por conta de flores, frescas ou secas, e frutas, também frescas ou desidratadas. “A variedade de frutas no país é enorme, mas para um resultado mais homogêneo, os tons quentes, em variações de vermelhos, laranja, roxo, compõem lindamente uma mesa apetitosa e elegante.” Seguindo essas orientações, Cristina ainda sugere que se eleja uma paleta de cores a serem replicadas nos variados enfeites dispostos pela casa. “Essa dica pode ser usada até mesmo nos pacotes e embrulhos dos presentes, reais ou cenográficos, aos pés da árvore de Natal. Essas são formas de trazer personalização e deixar o ambiente mais harmônico e sofisticado”, completa.

 

Novidades


As árvores em LED não são, exatamente, uma novidade deste ano, mas estão muito em alta para o Natal 2021. “Modernas e minimalistas, elas promovem uma abordagem sutil para as luzes natalinas - geralmente um elemento muito vibrante. O interessante é que elas também se adaptam à decoração e podem ser usadas o ano todo, como item de decoração da casa”, detalha Cristina. Além da questão estética, as árvores em LED são práticas de montar, pois, em geral, não precisam de cordão de lâmpadas, já que as luzes são embutidas e, ainda, não precisam de tantos enfeites, pois, por si só, chamam atenção.

 

Feito à mão

Sem a pretensão de algo sofisticado ou oneroso, os enfeites feitos à mão estão mais relacionados ao sentimento e à dedicação. Seja um embrulho de presente feito de papel kraft, com aplicações ou pintura artesanal, seja uma colagem de galhos secos ou, até mesmo, um cartão escrito à mão, o carinho e a criatividade são o elemento principal.

Para a noite de Natal, a dica é decorar as mesas com flores e folhas colhidas no próprio jardim, biscoitos ou cupcakes feitos em casa, assados no dia e decorados por todos da família. “Esse tipo de decoração, ainda mais quando usamos elementos naturais, como galhos secos, pinhas, palha trançada, ramos de trigo, velas aromáticas, além dos que serão consumidos até o dia da ceia, como biscoitos, chocolates e frutas, podem ser descartados após as festas, sem danos ao meio ambiente e renovados no ano seguinte.”

 

Mesa

 

 

É interessante também decorar a mesa da ceia ou almoço cheio de personalidade. Para isso, não é necessário um grande investimento: “Pode ser uma mesa posta com louças bonitas, decorada com flores, frutas, enfeites natalinos, velas e luzinhas. Toques de originalidade, como um suporte de talheres feito com ramos de ervas, mini cartões com mensagens de boas festas, fitas ou guardanapos de tecido dobrados com elegância, tornam a ceia mais especial", diz.

 

Indispensável

A árvore de Natal é um dos símbolos que mais marcam esse período festivo. Presente em casas, comércio, praças e fachadas, grandiosa ou minimalista, este símbolo é indispensável ao Natal. “A árvore anuncia a chegada das festas de fim de ano, reúne as pessoas no ritual de montagem e decoração, e encanta crianças e adultos com suas luzes e cores”, pontua Cristina. 

 

Cheiros e aromas

Grande parte das famílias têm aquela receita clássica ou aquele perfume característico que transporta todos para momentos festivos. Por que não trazer esse perfume para a decoração durante o período de fim de ano? Entram nessa lista a canela ou a baunilha dos biscoitos assados na véspera de Natal, o cheiro de pinheiro fresco ou das flores que enfeitam a ceia e fazem parte da decoração tradicional. Outros aromas refrescantes, como ervas frescas da horta, também podem ser usados: alecrim, louro e limão são boas pedidas. “Essas ervas são aromatizadores de ambiente. Velas e sachês também são opções para ambientar o lar com clima de festa.”

 

 

 

 

 

Galeria
Comentários
Deixe seu comentário

Você também vai gostar
Identificação X
entrar usando o facebook